sábado, agosto 11

Estou carente

Estou com falta de miminhos, de abraços apertados, de beijos, de olhares cúmplices.
A verdade é que a minha cabeça anda tão ocupada com a procura de trabalho que nem consigo olhar para os homens com calma e tentar perceber se pode sair alguma coisa dali. Simplesmente quando conheço alguém, nem sequer tento algo mais, pode ser o meu cansaço, pode ser a minha auto-estima que anda nas ruas da amargura ou pode ser ainda que não tenho conhecido ninguém muito interessante. 
Não sei o que se passa, o que sei é que estou carente, porra, e não gosto nada disto. 

7 comentários:

S* disse...

Oh... isso faz falta... segue um abraço virtual para ti.

Clementine disse...

Oh é normal, todos nós passamos por fases mais carentes, como a S* mando-te um abracinho grande :=) *

T* disse...

Obrigada às duas.
:)

amiga da onça disse...

Isso não se procura, acontece.
Vais ver que quando menos esperares vais ter.

T* disse...

Amiga da onça, é verdade, eu sei, mas ás vezes "a espera" custa.
:)

MisterCharmoso disse...

Um abraço forte para te passar a carencia

T* disse...

Obrigada, ;)