sábado, agosto 25

Sem paciência

Opá, já não pachorra para a história da crónica da Margarida Rebelo Pinto. A crónica é estupida, é verdade, mas desde quando é que aquela mulher escreveu alguma coisa de jeito. Não sei porquê a admiração.

Agora em relação às gordas, como já escrevi aqui várias vezes, eu tenho excesso de peso.
Se isso me incomoda? Sim um bocado.
Se gostava de ter menos peso? Sim gostava.
Se faço alguma coisa para mudar? NÃO, não faço muita coisa para mudar.
Se podia fazer alguma coisa para mudar? Claro que sim, falta-me é força de vontade.

O que eu não gosto é ser tratada de maneira diferente, principalmente a nível profissional. Claro que sei que a imagem é muito importante, mas para mim a imagem, não é só o peso, é a atitude, uma boa maquilhagem, o cabelo arranjado, a roupa e calçado adequado a cada situação. 

Em relação aos homens que dizem que preferem as gordinhas, onde é que eles estão? São tretas, é o que é. 
Os homens não preferem as gordinhas, até podem gostar delas, mas é apenas para foder durante uns tempos, porque para apresentar os amigos, colegas ou família, preferem as elegantes. E depois na noite por exemplo, quem é que os homens tentam conhecer primeiro? As gordas? I don't think so, é obvio que vão para as elegantes, mesmo que a gaja seja uma antipática de primeira e nem esteja para aí virada, o que interessa é a imagem. 

Resumindo, a crónica é estupida, mas as opiniões que se vêm por aí, blogs e facebook, conseguem ainda ser mais estúpidas, sejam elas a favor ou contra. *

* o que faz deste post também uma estupidez.

4 comentários:

Vicky disse...

Essa cronica já tem anos, mas só a descobriram agora...

T* disse...

Pois, ate parece que descobriram a pólvora, lol.

NutriGirlHeart disse...

Olá,

Desculpa invadir aqui o teu espaço, mas é que sou gordinha e penso exactamente como tu. Acho que tudo é uma questão de atitude. se nos pusermos a jeito, la o pessoal gosta de por o dedo na ferida. O que me intriga é aquelas pessoas que comentaram em defesa das gordinhas, e se calhar são os primeiros a julgá-las. Ora bem, sobre os homens, começo a achar que sim.

Desculpa lá a invasão aqui no teu espaço, mas fialmente encontro alguém que não dá aso a essa puta de crónica estupida.

T* disse...

Olá NutriGirlHeart, sê bem-vinda.

As pessoas dizem ou escrevem o que acham ser o politicamente correto. Dizem as coisas para ficarem bem vistas, o que interessa é a imagem delas.